Share Button

Já se foram mais de 30 anos que o bigodudo da Nintendo vem divertindo gerações de jogadores, desde que surgiu lá no jurássico arcade do “Donkey Kong“. Mario salvou a indústria dos videogames da beira do abismo nos anos 80 e praticamente definiu o gênero jogo de plataforma no mercado.

O encanador mais famoso do mundo já apareceu em mais de 200 jogos dos mais variados tipos, desde corridas, tênis e lutas. Claro que os melhores jogos são aqueles produzidos pela Nintendo para os seus sistemas, mas o personagem recebeu uma série de jogos alternativos, geralmente desenvolvidos por outras empresas e muitos deles lançados apenas no Japão, não sendo muito conhecidos por aqui.

Foi pensando nisso que montamos esse Top 10 Jogos Desconhecidos do Mario. Confira por onde o personagem mais famoso do mundo dos games já andou.

*Obs: A lista não está em ordem de preferência.

Mario’s Early Years!

mario1

“Mario’s Early Years” foi uma série de jogos educacionais lançados para o Super Nintendo, especialmente desenvolvidos para crianças até seis anos, focados no desenvolvimento de habilidades que vão desde a linguagem e digitação até geografia e história. Uma forma de aprender e a se divertir ao mesmo tempo.

Mario’s Time Machine

mario2

Outro jogo educacional desenvolvido pela The Software Toolworks para NES, SNES e PC, onde Mario deve usar uma máquina do tempo para devolver artefatos históricos roubados por Bowser, e fazer tudo voltar ao normal, respondendo perguntas de História.

Excitebike: Bun Bun Mario Battle Stadium

mario3

A série de corridas de motocross “Excitebike” nasceu em 1984 no NES e foi um dos primeiros games de Shigeru Miyamoto. Essa versão com Mario e sua turma é remake do primeiro game do NES e foi lançada apenas no Japão para o Super Famicom, via Satellaview, acessório para o console que funcionava como um modem via satélite, para distribuição de jogos exclusivos.

Wrecking Crew ‘98

mario4

“Wrecking Crew ’98” é uma sequência para SNES do jogo de quebra-cabeças lançado originalmente para o NES. O jogador deve destruir os blocos usando um martelo gigante para formar conjuntos iguais, em um sistema que lembra o clássico “Tetris”. Foi lançado apenas no Japão.

Super Mario Bros. & Friends: When I Grow Up

mario5

Esse jogo foi lançado exclusivamente para o sistema DOS em 1991, desenvolvido pela empresa Electric Crayon. O game é essencialmente um Paint livro de colorir no computador, e foi ilustrada por Rick Incrocci, que fazia desenhos voltados para o público infantil e que fez trabalhos também para a Atari e Sega.

Mario Clash

mario6

“Mario Clash” foi produzido pela Nintendo para o seu infame videogame de “realidade virtual” Virtual Boy, um dos maiores fracassos da história da empresa. Ele foi o primeiro jogo tridimensional da série Mario e é bastante inspirado no clássico arcade “Mario Bros”, que ao invés dos tradicionais longos cenários de rolagem, apresentava fases estáticas.

Mario no Photopi

mario7

Lançado em 1998 para o N64 somente no Japão, ele não era bem um jogo e sim basicamente um editor de imagens, com fontes, molduras e artes da série Mario. O cartucho trazia dois slots para se colocar cartões e assim fazer transferências de imagens digitais, algo bem avançado para a época, mas claro, não para os japoneses.

Mario Artist

mario8

Sucessor espiritual de “Mario Paint”, esse jogo em quatro partes foi lançado para o acessório Nintendo 64DD (usado para expandir a memória do console) e aumentou consideravelmente as opções criativas do seu antecessor, já que permitia trabalhar também com desenhos 3D. Assim como o periférico, o jogo foi um fracasso.

Mario & Wario

mario10

A versão malvada de Mario hoje em dia é bem conhecida pelos gamers, mas não em 1993, quando recebeu “Mario & Wario”, lançado apenas no Japão. O jogo foi criado por Satoshi Tajiri, simplesmente o criador da franquia Pokémon. O jogo é bem simples e tem como objetivo levar um Mario (ou Luigi e Peach) que caminha sozinho sem poder enxergar até as saídas do cenário, onde Luigi está esperando, passando por vários obstáculos. O seu diferencial era o uso do mouse do SNES para controlar uma fadinha, que é o cursor do mouse, para abrir caminho para o bigodudo.

Mario’s Bombs Away

mario9

Esse aqui é das antigas, foi lançado em 1983 para o sistema Game & Watch, que eram joguinhos portáteis bem simples com tela LCD e praticamente eram os reis antes da chegada do Game Boy. Só a Nintendo lançou cerca de 60 títulos desses minigames. Neste jogo, Mario é um soldado (?!) com a missão de levar bombas para as suas tropas do outro lado da tela evitando alguns obstáculos como inimigos nas árvores e o fogo do seu colega fumante. Foi um dos seis jogos feitos para linha Panorama, que era um modelo mais arrojado.