Share Button

Os jogos focados no público adulto existem desde a época dos primeiros consoles caseiros e alguns arcades do início dos anos 80, com direito a órgãos sexuais sendo exibidos em formato de “pixels” e outras coisas. Para conhecer um pouco mais desse mundo “underground” que são os jogos sensuais, se liga em nossa seleção:

X-MAN
(Atari 2600)

 

Esse jogo é raríssimo hoje em dia, sendo praticamente impossível encontrar uma cópia usada ou com alguém, e provavelmente custa muito dinheiro hoje em dia. Na época do Atari ele já era “underground”, e acabou desaparecendo das prateleiras por ser considerado muito ruim. O nome é uma paródia da famosa série de histórias em quadrinhos e o objetivo é atravessar o labirinto evitando tesouras ou dentes, e quando passava de fase podíamos ter relações sexuais com uma mulher pixelada.

CUSTER REVENGE
(Atari 2600)

Neste jogo você é um cowboy que não veste nada além de um chapéu e botas, além de uma visível ereção em pixels. O objetivo é desviar das flechas e chegar até uma índia e fazer sexo com ela com direito a um jingle ao fundo. Também é conhecido por ser um jogo péssimo, e também é bastante raro hoje em dia.

EMMANUELLE
(Amiga, Atari ST e MS-DOS)

 

Quem diria que a francesa Emmanuelle chegaria ao mundo dos videogames? Pois ela não ficava aparecendo apenas na madrugada da TV Bandeirantes ao longo dos anos 90. Ao contrário dos dois citados anteriormente, este aqui não chegava ao nível da pornografia, mas sim do erotismo, sendo algo um pouco mais “elegante” e menos agressivo. Talvez o motivo seja a produção de Muriel Tamis, que preferiu enfatizar a história em um jogo aponte e clique.

STRIP FIGHTER
(PC-ENGINE)

 Strip Fighter é um clássico do PC-ENGINE, sendo uma paródia do Street Fighter protagonizado só com mulheres sexys. Quando você vence o primeiro round, aparece a foto de uma modelo de biquini, e quando você vence o segundo, aparece a mesma imagem sem o traje de banho. Pena que algumas partes não dá pra ver direito…

LEISURE SUIT LARRY
(SÉRIE)

 

 

Um dos jogos mais conhecidos nesse cenário de “jogos adultos”, Leisure Suit Larry é uma série de jogos aponte e clique que existem desde os anos 80. Misturando erotismo, pornografia e humor, muitos de seus jogos foram censurados devido as cenas “quentes demais”. No vídeo acima, é um dos mais recentes jogos da série para o Xbox.

BONETOWN
(PC – Download Digital)

 

Bonetown é um jogo lançado em 2008 que é no mínimo constrangedor pela “qualidade” dos diálogos, servindo para dar boas risadas  pelo excesso de linguagem de sexo explícito. O objetivo é completar missões para os testículos do protagonista aumentarem.

 

BMX XXX
(Xbox – GameCube – Playstation 2)

 

Facilmente um dos jogos mais “apelativos” de todos os tempos, este game não tem nenhum “pudor”, com inúmeras cenas de nu frontal em vídeo com atrizes de verdade. O interessante é que o game é um jogo esportivo com bicicletas, mas é notável pelo exagero de nudez, linguagem chula e humor adulto. Curiosamente a versão de Playstation 2 foi censurada, e a do GameCube não.

7SINS
(Playstation 2)

Este jogo te coloca num simulador de vida onde o jogador precisa tomar decisões baseadas nos sete pecados capitais. Entre outras coisas, há diversas cenas de sexo, casas noturnas com mulheres em pole dance, etc etc.

Playboy: The Mansion
(Playstation 2)

Quem diria que veríamos o coelhinho da playboy no mundo dos videogames? Pois isso virou realidade com o simulador licenciado pela própria empresa, onde o jogador assume o papel de Hugh Hefner com o objetivo de construir o império da Playboy desde o início da carreira até o marketing pela internet. O jogo é separado em doze missões, e várias possuem referências sexuais, apesar de ser um game erótico e não sexual propriamente dito.

 

Dead or Alive Xtreme Beach Volleyball
(Xbox)

 
Este é basicamente um jogo de volleyball com meninas gostosas em micro biqunis. Aliás, toda a série Dead or Alive faz a alegria de muitos marmanjos por aí nem tanto pelo gameplay, mas pela presença de mulheres com seios e bundas fartas!