Share Button

por Márcio Alexsandro Pacheco

Um dos jogos mais aguardados de 2014, “Destiny” está prometido para setembro nos consoles PlayStation 3, PlayStation 4, Xbox 360 e Xbox One. Produzido pela produtora Bungie, famosa pela franquia “Halo” nos sistemas Xbox, sua nova propriedade intelectual traz muita coisa em comum com os jogos estrelados por Master Chief, agora pertencentes à Microsoft. Confira em nossa prévia o que aguardar desse que promete ser um dos melhores games de 2014.

Aventura Espacial

Destiny” é situado num período de 700 anos no futuro, num cenário pós-apocalíptico no planeta Terra, após um longo período de paz, prosperidade e avanços tecnológicos espaciais; esse período ficou conhecido como a “Era Dourada“. Os humanos haviam se espalhado pelo espaço e começaram a colonizar planetas no Sistema Solar, quando um evento conhecido como “O Colapso” fez com que as colônias desaparecessem misteriosamente, pondo um fim à Era Dourada e colocando a humanidade muito próxima da extinção.

Os únicos sobreviventes conhecidos do Colapso vivem na Terra, salvos pelo “Viajante“: um corpo celestial branco e esférico, com séculos de existência, de muito antes dos humanos sonharem de alcançar as estrelas. O Viajante agora flutua sobre a única cidade humana existente, e a sua presença permite aos “Guardiões da Cidade” — os últimos defensores da raça humana — a habilidade de ter um poder desconhecido.

Após a primeira tentativa da humanidade de repovoar e reconstruir após o Colapso, descobriu-se que raças alienígenas hostis têm ocupado as ex-colônias e civilizações da humanidade e estão agora a tentar invadir a Cidade. O jogador assume o papel de um Guardião da Cidade, e é encarregado de investigar e destruir essas ameaças antes que a humanidade fique completamente exterminada.

Raças e classes

O jogador terá a sua disposição três tipos de raças para escolher, todas com aparência customizáveis e com opção de sexo, para o seu Guardião proteger a última cidade da Terra. São elas:

  • Humanos – descritos como sendo relacionáveis, resistentes e descomplicados, com inspiração nos militares, atletas e heróis de ação.
  • Awoken – descritos como exóticos, lindos e misteriosos e foram inspirados em elfos, vampiros e fantasmas.
  • Exo – descritos como sinistros, poderosos e incansáveis, tiveram como inspiração os mortos-vivos, o Exterminador do Futuro e o próprio Master Chief.

A escolha da raça é puramente estética, já que ela não tem nenhuma influência na jogabilidade de seu personagem, diferente das Classes, que desempenham papel mais importante no desenvolvimento do seu soldado espacial e possuem um poder especial exclusivo. São três classes disponíveis:

  • Titã – força e resistência ampliadas, seu Guardião é quase como um tanque nos campos de batalha.
  • Caçador – mestre das furtividades, persiga e mate seus inimigos com precisão implacável.
  • Arcano – manipule energias e poderes especiais para aniquilar seus inimigos.

Independente da classe escolhida, os jogadores contarão com a companhia do “Fantasma“, um cubo com inteligência artificial que lhe indica o caminho a seguir, dá dicas sobre inimigos, cenários e vai narrando a história para o jogador. A voz dessa IA é dublada pelo ator Peter Dinklage, que você deve conhecer melhor como o anão Tyrion Lannister da popular série “Game of Thrones” – um trabalho bastante criticado pelos fãs na versão alfa do jogo, com uma atuação robótica tediosa que levou “Tyrion” a regravar vários diálogos para versão beta.

Em termos de jogabilidade podemos esperar algo muito parecido com “Halo“, mas com a principal característica de ser uma espécie de MMOFPS, que estará o tempo todo online, possibilitando assim encontrar outros jogadores para participar de missões. Mas diferente de outros MMOs, “Destiny” cria partidas de imediato, permitindo que jogadores possam ver e interagir com outros usuários que estejam “combinados” naquela partida, e não de uma maneira universal. Os jogadores podem esperar por ação em primeira pessoa, fases com naves espaciais no espaço e ação em terceira pessoa, momento esse em que o jogador poderá explorar a cidade para interagir com outros usuários, comprar itens, equipamentos e procurar por missões paralelas.

Se para você gráficos e visuais é o fator mais importante num game, não precisa se preocupar, pois apenas o que foi mostrado na versão Alpha do jogo, já deu para perceber que o nível de qualidade é no mínimo espetacular. Estamos aqui falando da versão do PlayStation 4, mas a de Xbox One não deve ficar atrás. Já os outros videogames não tem o que fazer, certamente sofrerão uma queda bastante considerável em relação a nova geração. Um dos destaques são as iluminações globais e luzes dinâmicas em tempo real, que ocorrem ao mesmo tempo, permitindo criar cenários melhores e mais naturais. A promessa é de visuais dignos de uma obra de arte de fazer qualquer um ficar com o queixo caído. Vamos torcer que cumpram o prometido.

Se você já é um velho de guerra da série “Halo“, certamente vai apreciar o que “Destiny” tem a oferecer. E se você sempre esteve do lado PlayStation e sentia aquela “pontinha de inveja” das aventuras do Master Chief nos consoles concorrentes, essa é a sua grande chance de ter um gostinho do que o pessoal da Microsoft já conhece.

A versão de testes Beta estará disponível para PS3 e PS4 a partir do dia 17 de julho, porém apenas para aqueles que efetuaram a pré-compra do jogo. Já para o Xbox 360 e One o jogo Beta chega no final de julho, sem uma data específica ainda.

Destiny” será lançado no dia 9 de setembro.