Share Button
Nayara “SaySyl” é uma das narradoras do cenário competitivo de Hearthstone. Em seu tempo livre, além de jogar profissionalmente, ela também se dedica à suas streams na Twitch (Foto: @nayarasylvestre no Twitter)

Parece que a bancada não é o único lugar onde brilha a estrela de Nayara Sylvestre. NaySyl, como é conhecida na comunidade de Hearthstone, deu mais um passo na sua carreira como jogadora. Profissional da narração, Nay foi além na última semana e conquistou, em sua terceira tentativa, uma vaga para disputar o Masters Tour Seoul, segunda parada do novo circuito competitivo de HS, o Hearthstone Masters.

Depois da sua classificação para o torneio na capital sul-coreana, Nay conversou com o GameHall e demonstrou satisfação com mais um passo dado em sua carreira como jogadora profissional. Logo no começo da entrevista, ela afirmou que a classificação para a segunda etapa do Masters Tour significou que toda a dedicação e tempo gastos para garantir a vaga na primeira fase, em Las Vegas, não foi em vão, “e que de alguma forma, me fez enxergar o potencial que eu mesma não acreditava que tinha”.

Las Vegas e Seoul são logo ali

Expectativas super altas”, admite a narradora, já assegurada nas duas próximas etapas do Masters Tour.

Garantida em Seoul, Nay aponta que “o próximo passo é tentar arranjar uma organização para eu representar, que possa me ajudar de alguma forma com as viagens”. Já citado pela narradora, o Masters Tour Las Vegas – primeira parada do circuito – está bem próximo e a captação de recursos com alguma organização, faltando poucas semanas para o campeonato, é quase inviável. “Para Vegas eu já estou me preparando, tendo em vista que tenho somente mais algumas semanas até lá”.

O que a preocupa são apenas as mudanças pelas quais o jogo vem passando, “com todos os buffs e nerfs que estão ocorrendo por esses dias, é um pouco mais complicado de prever como será o meta (em Las Vegas), mas com certeza me dedicarei ao máximo para aprendê-lo e me destacar neste primeiro Tour”. É válido lembrar que Nay é a primeira mulher que representará o Brasil no Masters Tour.

Sem mais preocupações

Em uma de suas publicações (confira abaixo) após a vitória do qualificatório sul-coreano, Nayara citou que as mudanças no Masters Qualifiers poderiam prejudicar a sua busca pela classificação nas edições principais do circuito, já que “a partir de junho, o número de qualificatórias irá diminuir, e elas ocorrerão de sexta a domingo”, justamente os mesmos dias nos quais ela narra as partidas classificatórias do circuito. “Esse é o motivo pelo qual eu não poderia mais jogá-las”, revelou.

Nay garantiu a classificação antes das mudanças entrarem em vigor, então não será mais um problema continuar o trabalho de narração. Embora tenha sido “prejudicada” com as mudanças (“agora não mais porque eu já consegui me classificar”), ela acredita que tudo foi feito “por um bem à própria comunidade”, então não considerou as mudanças como algo negativo.

O segredo da Rainha Nay

No mesmo tuíte que foi feito após a vitória, Nay se auto declarou “rainha das bombas”, já que a sua classificação veio graças ao seu deck de Guerreiro Bombas. Ao final da entrevista, ela fez questão de deixar uma dica para os jogadores que desejam mandar bem quando empossados de um dos decks favoritos dela:

O que muita gente peca (e ainda não entendeu) é que o Guerreiro de Bombas é um deck muito agressivo. O segredo é saber otimizar os recursos e tentar maximizar o valor das suas bombas, junto aos recursos de colocar elas no deck do seu oponente, fazendo combos com o Elekk, ou até mesmo colocando pressão com seus lacaios e finalizando com o Explodista Cabum”.