Share Button

O PS4 Pro e Xbox One X foram criados com o mesmo objetivo: dar ao consumidor a opção comprar versões mais poderosas dos consoles da geração atual. No entanto, a Sony e a Microsoft não permitem, ao menos por enquanto, que sejam criados jogos que rodem exclusivamente nestas plataformas com hardware melhorado, para não dividir a base de usuários.

Falando mais a respeito desse assunto, Lewis Ward, analista e diretor de pesquisa da IDC (International Data Corporation), um instituto que estuda as tendências de diversos mercados, incluindo o de jogos, discorda completamente quando alguém diz que não existe muita diferença entre o PS4 Pro e o Xbox One X para o consumidor final.

“Pro é principalmente uma jogada de marketing,” disse Ward ao site GamingBolt. “Não é nada parecido com o Xbox One X em termos da elevação de desempenho. É basicamente uma atualização para o console padrão, mas a Sony incrementou ele internamente e conseguiu um aumento de desempenho de 10% para o Pro.”

“Xbox One X é um redesign muito mais fundamental e é pelo menos 40% mais poderoso do que o PS4 ou os primeiros Xbox One. O Xbox One X poderá rodar VR e AR, embora a Microsoft esperará para ligar essas funções até que hajam ótimos softwares para isso – e isso será em grande parte sobre desenvolvimento de aplicativos para PC Win10. Xbox One X eventualmente rodará conteúdo que os Xbox One pré-existentes não rodam, e eu meio que não culpo a Microsoft em agarrar-se a ele por um tempo (pelo menos até o final de 2018 e talvez 2019). Xbox One X é um console da oitava geração e meia. PS4 Pro não é.”

Ward acredita também que a Sony lançará um PS5 antes da Microsoft trazer o sucessor do Xbox One, o que é realmente possível. Contudo, é necessário ver como as vendas a longo prazo do Xbox One X irão se sair. Se o console acabar vendendo menos do que se espera, e com o PS4 continuando a vender absurdamente bem, a Microsoft pode sim acabar dando o pontapé inicial na próxima geração com um Xbox completamente novo antes da Sony.