CuriosidadesGamesr7

História dos jogos mobile: você se lembra do jogo da cobrinha?

Os games surgiram com a primeira geração de celulares

A história dos “jogos mobile” datam antes mesmo da popularização dos celulares, já que os games Game & Watch e algumas calculadoras já tinham games simplórios que podiam ser interagido apertando algumas teclas.

No entanto, com a popularização dos telefones móveis em meados da década de 1990, os jogos vinham pré-instalados, sendo que os da Nokia contavam com o “game da cobra” (Snake), se tornando incrivelmente popular nessa época. Também era comum alguns games como Tetris e o jogo da memória.

Em 1999, a operadora de telefonia japonesa NTT Docomo lançou a plataforma i-mode, que existe até hoje, para que as pessoas pudessem baixar jogos mobile. Nesta época, vários desenvolvedores famosos como a Konami, Taito, Namco e a Bandai se comprometeram com o desenvolvimento, criando ports de jogos clássicos e oito bits. Em pouco mais de dois anos, eles já tinham mais de 20 milhões de usuários.

Já no ocidente, a plataforma Java (J2ME) foi a responsável pelas primeiras vendas de games em dispositivos móveis no início da década de 2000, surgindo muitos pequenos desenvolvedores. Nessa época já começaram a surgir os primeiros games 3D, e muitos títulos levavam a marca de um jogo famoso lançado para o console da época (Resident Evil 4, por exemplo), mas sendo bem adaptado. Nessa época, a Gameloft ficou bastante conhecida, e entre 2007 e 2009 houve uma “explosão” dos jogos em java.

Havia algumas tentativas de criar celulares “gamer”, sendo que um dos mais lembrados é o N-Gage, desenvolvido pela Symbian e que era uma espécie de “Game Boy Advance” em celular. Apesar disso, acabou não rendendo o sucesso esperado devido ao alto custo e a forte concorrência.

No entanto, o lançamento do primeiro iPhone e a App Store que mudou radicalmente o mercado, já que o dispositivo móvel tinha uma memória muito maior, era sensível ao toque, tinha touchscreen e era, praticamente, um “computador de bolso”, sendo algo muito avançado para a época. Foi aí que surgiu a geração de games que perdura até os dias de hoje, permitindo com que os games de dispositivos móveis fossem quase tão sofisticados quanto dos consoles.

Artigos relacionados